.SIM

-Reacção de José Sócrates(SIC)

-Reacção de Jerónimo de Sousa(SIC)

-Reacção de Francisco Louçã(SIC)

-Reacção de Movimentos pelo SIM(SIC)

-Especial SIC
Últimas notícias
O Referendo nos Blogs

.posts recentes

. (sem assunto)

. ...

. Bom dia..

. ...

. apoio monetário

. ...

. despenalização do aborto

. Promulgação do Presidente...

. Vigarice

. concordo

.arquivos

. Novembro 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Agosto 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

.tags

. aborto

. abstencao

. casal

. celulas

. choro

. condições

. coragem

. crianças

. crime

. debates; sic; aborto

. democracia

. deputados

. desabafo

. despenalizacao

. despenalização

. despenalizado

. despenalizar

. direito

. duvida

. escravatura

. espanha

. estado

. familia

. feto

. governo

. hipocrisia

. igreja

. infértil

. ivg

. jose policarpo

. justica

. legislacao

. menino

. moralista

. morte

. mulheres

. opiniões

. parlamento

. pena morte

. politicos

. portugueses

. ps

. referendo

. vergonha

. vida

. todas as tags

.subscrever feeds

Participe
Envie a sua mensagem para aqui.


Sexta-feira, 15 de Setembro de 2006

Células???

Células???
 
Em que momento deixam de ser células e passam a ser um ser humano?
Ás 3 semanas? Ás 13? Aos nove meses? 1 Dia antes do nascimento? Ou um dia depois? E que tal só ser promovido a ser humano após umas semanas ou mesmo anos após o nascimento?
Toda a gente se indignou por uma mãe ter morto a filha e a ter dado a comer aos porcos…
Toda a gente se indignou por uma avó ter queimado a neta na banheira e depois a ter atirado ao rio...
Toda a gente se indignou quando uma mãe afogou o recém-nascido e o colocou no caixote do lixo lá da rua... vamos despenalizar estes crimes?
Todos estes crimes deviam ser despenalizados...
Afinal não passam de insignificantes " deixa para amanha o que podes fazer hoje"...
Se a mãe não fosse desleixada tinha feito um aborto no dia anterior ao nascimento – já não era crime – era o seu próprio corpo... ou não?
Mas se faltassem 3 dias aí já não havia problema... ainda não era um ser humano. Ou era?
Então e se faltassem 3 semanas ou dois meses... quantos não nascem com 7 semanas e se tornam nesse momento seres humanos...
ah... mas se faltassem 5 meses aí com toda a certeza não era um ser humano...eram células...
ah... mas já tinha uns órgãos desenvolvidos.... talvez fosse…
Mas com 13 semanas sem dúvida eram células... eram?
Já não era crime... ou era?
Cientificamente só existe um momento em que se pode decidir a criação de uma nova vida – a fecundação
Ah… mas isso não se decide – pode acontecer ou não -
Mas é uma opção nossa aumentar ou diminuir as probabilidades de acontecer…
A mulher deve ter o direito a essa opção…
A mulher foi violada? Não teve opção… vamos dar-lhe a outra opção…
A mulher corre perigo de vida… vamos dar-lhe a outra opção…
A mulher e o homem são ignorantes… a ignorância não é uma desculpa… então e a sociedade da informação…?
A mulher e o homem são intelectualmente incapazes dessa opção… deviam estar protegidos pelos serviços do estado adequados…
A lata de leite está cara? o tabaco também… o estado paga o tratamento ao cancro do pulmão… tb pode pagar a lata de leite…
 
A mulher sem dúvida tem o direito de opção  na criação de uma vida, não na destruição…
 
Ah… mas até os animais gostam e não pensam no que estão a fazer…é o instinto!
Então vamos todos para a selva… que esta história da civilização é uma fraude…
 
PS.: o feto tem uma malformação grave que não põe em risco a vida da mãe mas que diminuirá a qualidade de vida de ambos… não sei responder…não quero responder e não quero imaginar…
tags: , ,
publicado por Equipa SAPO às 11:56

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Quinta-feira, 14 de Setembro de 2006

aborto nao ou sim

Ora muito boas: é vergonhoso o que se está a passar. Já houve um referendo e por votação livre venceu o não. Se assim acontecer o não vence outra vez e não paramos de fazer referendos. Isto não passa de uma palhaçada de uns senhores irresponsáveis que estão sentados na assembleia da república. Em minha opinião, é acabar com a palhaçada dos referendos e partir para uma responsabilização das partes intervenientes a que respeita a situação. Isto é: cabe à mãe e ao pai do futuro do ser humano que está para nascer decidir, também devem estar presentes na decisão o medico de família e um psicólogo. Mais ninguém deve interferir na decisão do casal.  
publicado por Equipa SAPO às 23:52

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

Aborto...A favor do aborto...ou da despenalização?

Ainda não repararam que o que está em causa não é o Aborto...mas sim o facto de ser despenalizado ou não?
Quem defende o Aborto??? Eu não!!!
Quem defende que deve ser despenalizado??? Eu SIM!!!
 
Penso que a mulher deve ter condições para poder fazer o aborto, a partir da altura em que decida recorrer a essa medida extrema.
 
Ou alguém acha que uma mulher se sujeita a violentar o seu corpo, com alegria???
 
E é preferível criar condições para que a mulher possa recorrer à prática do aborto em segurança e sem ficar endividada...ou que vão a Espanha aquelas que têm dinheiro para isso e o façam cá em condições sub-humanas, aquelas que o não têm???
 
De uma vez por todas, acabem com essa hipocrisia de dizerem que são pelo direito à vida e (às escondidas) mandarem as mulheres irem fazer os abortos ao estrangeiro!
 
Pelo Direito À Vida somos todos...e temos de saber lidar com uma realidade que é incontornável. Há mulheres a fazerem abortos! Criemos condições para que o façam com dignidade e com o mínimo perigo para a sua saúde.
 
Pela despenalização da Interrupção Voluntária da Gravidez!
Pelo Direito à Vida!
Não à Hipocrisia!
 
Armando Madeira
publicado por Equipa SAPO às 23:09

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Aborto

Ajudem os Portugueses a criar os seus filhos e não a matá-los.
 
2006-09-14
publicado por Equipa SAPO às 23:07

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

A Espanha resolve

não percebo porque é que o governo não resolve este assunto sem recorrer a um
novo referendo, a Espanha resolveu. aliás não percebo porque há tanta gente
preocupada com este assunto, principalmente quem nunca irá necessitar de fazer
um aborto.Por isso mulheres se necessitarem de fazer um aborto com atendimento 5
estrelas e em estabelecimento autorizado de saúde, a espanha resolve. se
qualquer português necessitar de assistencia médica melhor e mais barata vá
a espanha. precisa de gasolina no carro e acha caro em portugal, vá a espanha.
o governo gaba-se que o consumo de tabaco diminui, é mentira, as pessoas vão
comprar tabaco a espanha. etc.... por isto e por muito mais, não se preocupem,
sejam felizes, muito felizes, nós merecemos.

ps. não deixarei de votar sim à despenalização.
publicado por Equipa SAPO às 20:32

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

sim mas ponderado

Já é tempo de se mudar a legislação. mas cuidado, não tenham pressa

publicado por Equipa SAPO às 19:27

link do post | comentar | favorito
|

.NÃO

-Reacção de Marques Mendes(SIC)

-Reacção de Ribeiro e Castro(SIC)

-Reacção de Movimentos pelo Não(SIC)

.links