.SIM

-Reacção de José Sócrates(SIC)

-Reacção de Jerónimo de Sousa(SIC)

-Reacção de Francisco Louçã(SIC)

-Reacção de Movimentos pelo SIM(SIC)

-Especial SIC
Últimas notícias
O Referendo nos Blogs

.posts recentes

. (sem assunto)

. ...

. Bom dia..

. ...

. apoio monetário

. ...

. despenalização do aborto

. Promulgação do Presidente...

. Vigarice

. concordo

.arquivos

. Novembro 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Agosto 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

.tags

. aborto

. abstencao

. casal

. celulas

. choro

. condições

. coragem

. crianças

. crime

. debates; sic; aborto

. democracia

. deputados

. desabafo

. despenalizacao

. despenalização

. despenalizado

. despenalizar

. direito

. duvida

. escravatura

. espanha

. estado

. familia

. feto

. governo

. hipocrisia

. igreja

. infértil

. ivg

. jose policarpo

. justica

. legislacao

. menino

. moralista

. morte

. mulheres

. opiniões

. parlamento

. pena morte

. politicos

. portugueses

. ps

. referendo

. vergonha

. vida

. todas as tags

.subscrever feeds

Terça-feira, 24 de Outubro de 2006

Noticia de última Hora

O governo decidiu que por motivos financeiros será melhor para o pais mandar matar algumas pessoas para haver menos desemprego e dificuldades económicas.
Então acham mal? Não é o vocês querem também?
Legalizar o extreminio de seres humanos só porque se deu uma queca e não se tomou a pilula, ou não se usou preservativo porque não dá jeito.
E ainda nos acusam a nós de hipócritas???
Tudo bem, antes hipócrita que assassino.
Vamos mandar tirar das prisões todos os assassinos pois tem de haver igualdade de direitos num pais democrático, não é?
Como nota final gostava de dizer que se esta chacina for aprovada, ao menos não o façam em hospitais públicos porque eu sou contribuinte e não tenho nada de pagar os prazeres dos outros.
publicado por comunidade às 11:57

link do post | comentar | favorito
14 comentários:
De Anónimo a 24 de Outubro de 2006 às 16:15
Os prazeres?!
Mas está tudo louco?
Mas alguém faz um aborto por prazer?????
parem com os disparates, por favor, e tentem ter uma discussão séria.
Que bandalheira pegada que isto se está a tornar.
Depois não admira que as pessoas não votem, e continuem desinformadas: quando se abrem foruns para os cidadãos se manifestarem, é que se vê a falta de civismo e formação.
É só falar de "quecas" e abortos por prazer, como quem vai ao café!
Onde é que foram buscar essa imagem?
A portugal não foi, porque como o aborto é proibido quem o faz nem sequer manisfesta que o fez...
Que disparate pegado!
De juveleo4ever a 24 de Outubro de 2006 às 16:26
desculpe que lhe diga mais uma vez, o povo português já uma vez votou contra isto, como pessoas iguais a si não respeitaram o resultado do referendo, não descansaram enquanto não voltasse a haver outro referendo.
A maioria vai votar não novamente, assim espero do meu país civilizado.
Matar bébés porque não se tomou precauções?
É essa a vossa lógica? para mim não obrigado.
Não pactuar com isso. Voto NÃO.
De Tomaz da Camara a 24 de Outubro de 2006 às 19:18
Esta ideia de uma discussão começar pelo fim, é típico de quem não quer discutir. O assunto a discutir é: porque existe o aborto? Em que condições são executados estes fetos? O aconselhamento vem de onde? Será que o estado, após a aprovação da lei tem capacidade para a pôr em prática? Se não tem, porque se discute agora este assunto? Não temos antes que criar condições? Oh Srs. que grande charada que é esta discussão... Assim não se vai a lado nenhum !!! É uma conversa desinteressante e sem fim. Quanto aos Católicos a nossa arma é a Família! É na exaltação dos valores da Família que se encontra a VIDA que queremos defender. Esta a única arma. Vamos conversar abertamente entre todos! Vamos arranjar tempo para jantar em família. Vamos ouvir os nossos filhos. VAMOS APAGAR A TELEVISÃO, DESLIGAR OS TELEFONES, e reconquistar o espaço perdido da semente que defendo. A FAMÍLIA! E esta é a nossa única arma para dizer: « NÃO AO ABORTO»
De Anónimo a 25 de Outubro de 2006 às 12:10
Tomaz concordo consigo, no entanto onde param os valores da familia? Quem toma a pilula ou outro método contraceptivo também está a matar então acabemos com todos os métodos. Que aconteçe a uma adolescente que engravida e a familia não tem meios para a ajudar? Recorre á prostituição ,na maior parte das vezes, e abandona o filho em casa .Sabia que existem casos de crianças que ficaram deficientes porque foram abandonadas pelos pais e como sempre o português só olha para o seu umbigo e nem sequer se importou de ouvir essa dita criança chorar 3 dias seguidos. Porque não despenalizar o aborto e tentar que não sejam feitos, porque se implementou uma politica social que faz com que não sejam necessários? Uma coisa eu tenho a certeza as leis são feitas por pessoas que não conheçem a realidade do país.
De miguel a 28 de Outubro de 2006 às 02:18
Só não concordo com o que diz, porque liberalizar ou despenalizar o aborto é torna-lo um direito cívico. E isso é algo que não faz parte da ideia de Família, que o Tomaz defendia, e bem. Importa criar condições para que o aborto não seja feito, como diz, porque isso é uma necessidade básica das sociedades. Mas a despenalização não faz sentido. E, principalmente, não faz sentido em Portugal, porque sabe-se que não existirá qualquer tentativa de melhorar as condições de que falamos. É por isso que voto NÃO, convictamente.
De Ana a 25 de Outubro de 2006 às 20:02
Há aqui um mal entendido de português...
Os prazeres referidos no fim do post não é o prazer de fazer um aborto, obviamente, mas sim o prazer da relação sexual não tendo consciência de que isso poderá gerar uma vida.

Cuidado com as más interpretações...
De Anónimo a 26 de Outubro de 2006 às 10:24
Parece que até o aborto é um prazer!Pois há algum tempo numa reportagem transmitida pela SIC sobre o aborto, apareceu uma senhora muito bem parecida que disse em público e de cara destapada que apenas tinha cometido 11 abortos!
Realmente é crime em Portugal o aborto, e querem despenalizá-lo, mas na minha opinião deveria ser penalizado gravemente, pois uma mulher que confessa sem remorsos que matou 11 crianças (e para fazer tanto aborto não poderia ser propriamente alguém sem recursos financeiros) e tem a lata de o afirmar em público e saiu ainda como heroína sem pagar pelos seus crimes é inadmível!
Acho que o aborto já foi despenalizado há muito tempo, porque os pró-abortistas afirmam que a mulher não deve ser ser julgada e condenada por esse acto, mas na verdade em Portugal nenhuma mulher foi presa por cometer esse homicídio!
Por isso quando diz que, e passo a citar: "o aborto é proibido quem o faz nem sequer manifesta o que fez" ... não é bem o que parece...
O aborto é o pior homicídio de todos pois é cobarde contra alguém que não se pode defender...
De Anónimo a 26 de Outubro de 2006 às 13:45
11 abortos! coitadinha da senhora que grande sofrimento , que grande trauma deve ter sido fazer....11 abortos! tenho imensa pena dessa senhora que a sociedade hipocrita não tem o direito de condenar. Ninguém sabe os dramas desta senhora, as horas de duvidas e o remorso que sentiu, não uma....mas 11 vezes!
De Patrícia F a 2 de Novembro de 2006 às 14:31
Q granda besta q é exa senhora q abortou 11 vezes.. isto é pa não lhe xamar nomes bem piores.
Você tem a lata de lhe xamar coitadinha,d ter pena dela????Hipócrita!!!!S a sua mãe s tem lembrado de a abortar a si é q era esperta!!!Pexoas cm você nem deviam ter o direito de dar opinião pois só tem veneno na sua boca.S um dia por descuido tricar a língua,morre envenada com o seu próprio veneno!!
Quem é q tem pena dexes 11 anjinhos?????
Nenhum animal xega tão baixo!!!!!

Esteja mas é caladinha!
De EU a 2 de Novembro de 2006 às 21:19
cara patricia F, vejo que não percebeu a ironia explicita no comentário. É evidente q o anónimo não nutre pena por essa senhora e sim desprezo..tente ler de novo, desta vez mais devagar ;)
De Patricia F a 3 de Novembro de 2006 às 09:58
Caro eu e caro anónimo..
Peço desculpa..depois de ler com calma vejo q de facto é pura ironia.Mas neste blog vê-se tantas coisas q uma pexoa nem consegue distinguir qd é utilizada ironia ou qd se fala com convicção!!
Ao caro anónimo peço desculpa se o ofendi com as minhas palvras revoltadas.Não reparei q o estava a criticar.
A si peço as mais sinceras desculpas pelo meu atrevimento..

De Tomaz da Camara a 9 de Novembro de 2006 às 16:20
Pois é caro anónimo frio e desumano, essa estupora inqualificável, que não tem outro nome, está no mesmo plano de tanta gente que comete crimes e sai impune. Ela está igual aos abusadores dos «Casa Piano», está igual aos Pedófilos que se glorificam com os actos mais mórbidos na internet e ainda está no mesmo plano que os acusados «FP 25 de Abril» e que curioso é... está tudo em liberdade!!! Viva a democracia. Não decididamente não quero fazer parte disto e é por isso que voto NÃO!!! EU DIGO NÃO À INJUSTIÇA! Nenhum destes casos pediu o que fosse para sofrer tanto!
De Sandra Vicente a 2 de Novembro de 2006 às 12:12
Chacina? Irresponsabilidade? Pagar os prazeres dos outros?

Todos os dias nós pagamos pelos prazeres dos outros. Eu nunca consumi drogas e porque razão tenho que pagar para ajudar os toxicodependentes? E os que não tiveram cuidado nas suas relações sexuais e contrairam SIDA? Também tenho que pagar para os ajudar a viver mais alguns anos ou dias.
Vamos deixar de ser hipócritas, eu sou completamente contra o aborto, mas também sou completamente contra esta lei estúpida que manda mulheres para a cadeia porque tomaram e decisão de o fazer, temos nós o direito de nos colocarmos no lugar de Deus e sermos juízes para julgar essas mulheres que tomarão uma decisão difícil de fazer um aborto? Vou votar sim de conciência limpa, que o meu sim acabe com o aborto clandestino e que acabe com a discriminação social entre as mulheres.
Ninguém é obrigado a tomar drogas, a ter relações sexuais sem prevenção e se nós contribuimos para eles, porque não contribuir para que as mulheres possam fazer um aborto com todas as condições de higiene e saúde sem correrem o risco de irem para a uma prisão.
Sandra V.
De Anónimo a 6 de Novembro de 2006 às 11:28
Isto da mulheres irem para a cadeia é um falso argumento dos que são a favor do sim... pois nunca se viu nenhuma delas ir presa mesma confessando publicamente e diante de todo o país que cometeu tal acto!
O que elas querem é que o povo pague os seus actos irresponsáveis... e a morte de serem indefesos!
Pagamemos todos os tratamentos dos que se drogam... dos que tem Sida... dos alcoolicos... porque defendemos a vida... dar oportunidade de viverem dignamente ou um pouco mais... enquanto que o aborto é simplesmente matar o ser que não pediu para ser gerado e não tem opção de escolha no ventre de uma mãe irreponsável!
Matar não é nem será solução para nada.

Comentar post

.NÃO

-Reacção de Marques Mendes(SIC)

-Reacção de Ribeiro e Castro(SIC)

-Reacção de Movimentos pelo Não(SIC)

.links