.SIM

-Reacção de José Sócrates(SIC)

-Reacção de Jerónimo de Sousa(SIC)

-Reacção de Francisco Louçã(SIC)

-Reacção de Movimentos pelo SIM(SIC)

-Especial SIC
Últimas notícias
O Referendo nos Blogs

.posts recentes

. (sem assunto)

. ...

. Bom dia..

. ...

. apoio monetário

. ...

. despenalização do aborto

. Promulgação do Presidente...

. Vigarice

. concordo

.arquivos

. Novembro 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Agosto 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

.tags

. aborto

. abstencao

. casal

. celulas

. choro

. condições

. coragem

. crianças

. crime

. debates; sic; aborto

. democracia

. deputados

. desabafo

. despenalizacao

. despenalização

. despenalizado

. despenalizar

. direito

. duvida

. escravatura

. espanha

. estado

. familia

. feto

. governo

. hipocrisia

. igreja

. infértil

. ivg

. jose policarpo

. justica

. legislacao

. menino

. moralista

. morte

. mulheres

. opiniões

. parlamento

. pena morte

. politicos

. portugueses

. ps

. referendo

. vergonha

. vida

. todas as tags

.subscrever feeds

Terça-feira, 14 de Novembro de 2006

VIDA!

Sou mãe de quatro filhos lindos e amorosos, tive também a infelicidade de passar por uma situação de aborto tanto expontâneo como provocado, ninguém tem direito a matar ninguem, mas tem o direito de decidir o que é melhor para si.Matar par mim é tratar mal uma criança tanto fisicamente como psicológicamente. COMO PODE UM ASSUNTO DESTES TER ESTA POLÉMICA QUANDO TANTAS CRIANÇAS MORREM A FOME? será que alguém levanta a voz para protestar contra esta horrenda situação? Por isso deixem-se de hipócrisias, deixem as pessoas serem livres, não deixem que mulheres morram por incúria de curiosos e moralismos podres. Deixem viver. Eu voto a favor do aborto.



Lucinda Maria Moreira Reizinho
publicado por comunidade às 18:14

link do post | comentar | favorito
10 comentários:
De Anónimo a 15 de Novembro de 2006 às 11:46
Pense nisto:
Se surgisse mais dificuldades sócio económicas para dar condições aos seus filhos, qual dos seus lindos e amorosos filhos eliminaria?
É que também teria de escolher o que é melhor para si, não é!
Não sei se eles sabem do aborto provocado que fez, mas não acha que eles poderiam pensar: como é que eu escapei? Porque razão não fui condenado à nmorte como o meu irmão?
Outra coisa, um dia os seus filhos também podem não ter condições para prestar na sua velhice um amparo... gostaria que eles a "abortassem", é que pela sua lógica era um direito de escolha deles... matar o impecilho!
De Anónimo a 15 de Novembro de 2006 às 12:33
ISto realmente é um comentario estupido de quem nao sabe e que nao quer saber.
De Anónimo a 15 de Novembro de 2006 às 12:55
Incomóda a verdade não é?
Dói mas é a mai spura verdade: o Aborto é crime!
É crime de inocentes...
De Anónimo a 15 de Novembro de 2006 às 13:32
O cementario estupido nao é o principal mas sim de quem respondeu...
De Anónimo a 15 de Novembro de 2006 às 16:09
O único comentário estúpido foi o seu!
Eu sei muito bem do que estou a falar, só que as verdades ditas assim custam a engolir, não é? Matar um ser indefeso e inocente no ventre materno é a mesma coisa que uma mãe matar um filho já nascido, pois ninguém tem o direito sobre a vida de ninguém...
O filho gerado não é um órgão dela para ser tratado como tal, é um ser independente e indefeso. Só porque não lhe vemos a cara e o sorriso não temos o direito de exterminá-lo como se fosse um tumor...
De Anónimo a 16 de Novembro de 2006 às 16:24
" pois ninguém tem o direito sobre a vida de ninguém..." exactamente...

Não queira decidir sobre a vida das outras mulheres.. nao sabe a vida destas nem o seu estado psicologico... com a despenalização ate pode nunca vir a abortar ... visto ser obrigatorio a ajuda psicologica.. e esta provado que em paises onde existe a despenalização passaram a haver menos abortos... pq qdo as pessoas vao as ditas"PArteiras" nao ha volta atras...

Como a pessoa escreveu antes de si
Que comentario + estupido... e nao sei se sabe mas em caso de desespero total MAES chegam a matar os filhos para estes nao sofrerem abusos sexuais ou fome ... o Sr ou Sra nao sabe o que fala
De Anónimo a 16 de Novembro de 2006 às 16:51
Grande o amor dessas mães que matam os seus filhos para não sofrerem... que argumento tão válido... matar para não sofrer... não seja hipócrita...
Mostre-me onde é que está comprovado que nos países onde o aborto foi legalizadon há menos abortos... no nosso país dê um único exemplo de alguma mulher presa por abortar...
Eu nem sequer estou a defender o direito dessas mulheres, pois quando estou a falar que ninguém tem o direito sobre a vida de ninguém estou a falar pela vítimas dessas mães assassinas... pois retiram a criança como se fosse um tumor...
Acha que estes não tem direito a vida.. só você e outras que tal?
De Anónimo a 21 de Dezembro de 2006 às 17:49
Não será muito estranho que os/as apologistas do SIM não argumentem, mesmo com o mínimo de bases cientificas, que não existe vida até às 12 semanas? Ou será que não tem dúvidas que existe vida, se assim for tem consciência que praticam um assassínio.
De sergio a 21 de Dezembro de 2006 às 18:06
Eu acho que se o sim ganhar só vai beneficiar as clinicas , porque as pessoas que tem menos posses vão continuar a ir ao vão de escada porque o estado não vai conseguir dar vazão a tempo a todas a mulheres que tenham a infelicidade de ir fazer um aborto, basta ver o que se passa com a listas de espera para uma operação.
Para as outras as que têm dinheiro será mais comodo do que ir a Espanha, mas para as outras vai continuar tudo na mesma.
Alem disso muitas miudas adolescentes com a ideia se engravidarem poderão fazer um aborto, ~deixaram de tomar precauções como o uso de preservativo e para além de poderem vir a contrair doenças como sida e outras.
Por estas razões acho que vou votar não
De sergio a 21 de Dezembro de 2006 às 18:29
Eu também acho que quem não quer ter um filho não engravida. Se foi violada a Lei vigente deixa a abortar.

Hoje em dia podem escolher dezenas de métodos de planeamento familiar, consoante o caso e preferência .

Vejam o filme da BBC que passa num dos canais da tv cabo, com as novas máquinas a 4 dimensões e a~cores Vê-se o bebe com poucos dias já todo formado, com coração a bater, com o sistema nervoso completo. Realmente não consigo ver qual é a diferença entre fazer um aborto e matar um filho de 4 ou 5 anos ou de qualquer idade. Só porque ainda não nasceu ou tem 4 semanas ou 10 semanas não significa que não é uma vida que se vai matar.

Acho que já agora deveríamos também pensar em fazer um referendo, para se poder matar um Pai ou uma Mãe, uma Avó ou um Avô, porque as reformas são pequenas e os nossos salários são baixos assim matamo-los , é mais fácil e prático.

Os argumentos do sim, na minha opinião não passam de uma hipocrisia , foi pena a maioria das pessoas terem-se deixado levar por interesses políticos e económicos . Não pensarem a sério o que é um aborto, especialmente porque é um acto que podia ser desnecessário mesmo para aquelas mulheres que não querem ter filhos, é somente não engravidar. Se engravidou e não quer ter um filho, que o tenha e o entregue para adopção apesar desta não ser a atitude correcta, o que é correcto é não engravidar.

Comentar post

.NÃO

-Reacção de Marques Mendes(SIC)

-Reacção de Ribeiro e Castro(SIC)

-Reacção de Movimentos pelo Não(SIC)

.links