.SIM

-Reacção de José Sócrates(SIC)

-Reacção de Jerónimo de Sousa(SIC)

-Reacção de Francisco Louçã(SIC)

-Reacção de Movimentos pelo SIM(SIC)

-Especial SIC
Últimas notícias
O Referendo nos Blogs

.posts recentes

. (sem assunto)

. ...

. Bom dia..

. ...

. apoio monetário

. ...

. despenalização do aborto

. Promulgação do Presidente...

. Vigarice

. concordo

.arquivos

. Novembro 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Agosto 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

.tags

. aborto

. abstencao

. casal

. celulas

. choro

. condições

. coragem

. crianças

. crime

. debates; sic; aborto

. democracia

. deputados

. desabafo

. despenalizacao

. despenalização

. despenalizado

. despenalizar

. direito

. duvida

. escravatura

. espanha

. estado

. familia

. feto

. governo

. hipocrisia

. igreja

. infértil

. ivg

. jose policarpo

. justica

. legislacao

. menino

. moralista

. morte

. mulheres

. opiniões

. parlamento

. pena morte

. politicos

. portugueses

. ps

. referendo

. vergonha

. vida

. todas as tags

.subscrever feeds

Terça-feira, 14 de Novembro de 2006

Despenalização do aborto

Sou a Favor da despenalização em casos de malformações e quaisqueres defeciências de formação do feto. Até hoje existiram muitas culturas megaliticas que matavam(parece cruel mas não o é) os recém-nascidos mal formados. É um beneficio para toda a comunidade e é muito melhor que isso seja feito antes de a criança nascer. A própria natureza é cruel, nós é que preferimos não ver isso e fechamo-nos no nosso mundo perfeito de amor.
Nos casos em que a mãe corra risco de vida, deve ser depenalizado também.
Nos restantes casos em que o filho não é desejado pelos pais, quer argumentem faltas de posses ou outras justificações, deve ser despenalizado tal como os outros porque neste ultimo caso o culpado é em o próprio estado nacional, ou seja, a comunidade no seu todo pois se mais uma criança é um enrequecimento da comunidade esta mesma devia apoiar o crescimento(como sempre aconteceu até estes ultimos milénios, eu estava la lol) e educação de todas as crianças que nascem no seu seio. Isto apenas não é feito como que se fosse para existir um factor limitador de carga para os cidadãos não casados e sem filhos, pois assim não estarão a manter filhos pertencentes a familias pobres numerosas, conhecidas por serem as que tem mais filhos. E conhecidas também por os filhos terem uma maior propensão a degererarem em individuos desgregados da sociedade no seu geral e até acturem como destablizadores. É uma quetão muito complexa que tem muitas variantes e que para ser analisada em seu todo requer muito esforço e o mais certo é errar. Mas vistas bem as coisas não existe certo e errado, isso só depende da prespectiva. Se nos sentimos do lado lesado é uma quetão que tende para o errado e se estamos do lado benefeciado é uma questão que tende para o certo. A solução, creio que é pensar de forma que englobe toda a nossa comunidade como um todo e vejamos o que é melhor para ela.
Hoje em dia somos autenticas cobais humanas, vivemos como larvas em caixas, diambulamos uns por cima dos outros sem pensar na nossa existência, como almas que tiveram a oportunidade de sentir o ar que nos rodeia como se estivessemos envoltos num mar de vida.. Juntos e conscientes teriamos a força para traçar o destino da humanidade, mas mesmo sem querer o fazemos, e a vida segue o seu rumo! Pois como animal vivemos para a nossa sobrevivêcia e a maior parte do tempo vivemos apenas para satisfazer as nossas necessidades pessoais.. E o que não falta é quem se aproveite disso. A nossa economia é de artigos de consumo é baseada nisso. Tudo é baseado em providenciar tudo o que queremos a determinado custo. Mas quem quer informação pode ter informação. Quem quer satisfação pode ter satisfação. E quem quer alienação também a pode ter.
Mas conciência?? isso compra-se????



Pensem nisto:
"O ser humano vivencia a si mesmo, seus pensamentos como algo separado do resto do universo - numa especie de ilusao de otica de sua consciencia. E essa ilusao é uma especie de prisao que nos restringe a nossos desejos pessoais, conceitos e ao afeto por pessoas mais proximas. Nossa principal tarefa é a de nos livrarmos dessa prisao, ampliando o nosso circulo de compaixao, para que ele abranja todos os seres vivos e toda a natureza em sua beleza. Ninguem conseguira alcancar completamente esse objetivo, mas lutar pela sua realizacao ja é por si só parte de nossa liberacao e o alicerce de nossa seguranca interior". - Albert Einstein
publicado por comunidade às 18:06

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.NÃO

-Reacção de Marques Mendes(SIC)

-Reacção de Ribeiro e Castro(SIC)

-Reacção de Movimentos pelo Não(SIC)

.links